SINDICATO DOS GUARDAS CIVIS METROPOLITANOS DE SÃO PAULO
Visitantes On-line
45
Total de Visitas
2130409

Central de Atendimento (11) 3231-0330

Notícias

publicado em 20/02/2019
GOVERNO BOLSONARO NÃO RECONHECE ATIVIDADE POLICIAL EXERCIDA PELOS GUARDAS MUNICIPAIS
A Proposta de emenda constitucional que pretende alterar as regras da previdência apresentada hoje (20/02/19) ao Congresso Nacional traz em seu conteúdo uma das maiores injustiças contra os Policiais das Guardas Municipais, pois não estendeu a nossa categoria as mesmas regras diferenciadas estabelecidas para os servidores policiais previstos nos incisos do artigo 144 da CF/88, aos policiais legislativos, aos agentes penitenciários e aos agentes socioeducativos.

Pelo texto proposto pelo Governo Bolsonaro, os Guardas Civis Metropolitanos serão submetidos às mesmas regras dos demais servidores públicos, o que, de forma geral, significa dizer que só se aposentarão aos 62 anos de idade, se mulher e 65 anos de idade, se homem.

O SINDGUARDAS-SP repudia essa nefasta proposição legislativa que acaba com o direito de aposentadoria especial, e através de seus diretores em conjunto com a FENAGUARDAS já está intensificando a luta em Brasília para o reconhecimento da atividade policial exercida pelos guardas municipais.

FIQUE ATENTO AOS COMUNICADOS DO SINDGUARDAS-SP E DA FENAGUARDAS, em breve será a mobilização da NAÇÃO AZUL MARINHO será fundamental para que alcancemos o reconhecimento da aposentadoria policial.


 
 
SINDGUARDAS-SP HÁ 25 ANOS TRABALHANDO POR VOCÊ

 

Comentários

Mais Notícias

Onde Estamos
Rua Xavier de Toledo - 84 - 2º Andar - São Paulo | Telefones: 11 3231 - 0330 / 3231.4902 | Próximo ao metro Anhangabaú

Logo Infosind